Allan Sieber

DIEGO MEDINA NO MUSEU DO TRABALHO EM PORTO ALEGRE
Comentários Comente

allansieber

diegomedina

 

CRACAPRAQUETEQUEROMANIA

exposição de

Diego Medina

Músico, ilustrador e ator. O versátil, talentoso e bem humorado Diego Medina,
reúne dezenas de originais que registram o seu traço característico e o seu
universo ainda mais peculiar, situado entre a psicodelia e a escatologia.
Além dos desenhos, a mostra conta também com um video, bonecos,
objetos como decks de skate, lenços, guitarra e pedais de efeito
– todos representantes do peculiar mundo de Diego.

curadoria
Leo Felipe

projeto expográfico
Guilherme Dable

colaboraram
Alexandre Moreira
Chico Machado
Flávia Felipe
Gustavo Steffens

Miriam Bins

apoio:
BD Divulgação
Cerveja Polar

Abertura dia 5 de março, quinta, às 19h
terça a sábado, das 13h30 às 18h30
domingos e feriados, das 14h00 às 18h30


EXPO N’A BOLHA
Comentários Comente

allansieber

Dia 20 de março abre a exposição “Usados & Seminovos'', no espaço d'A Bolha dentro da Comuna.

Serão originais de ilustrações que fiz ao longo dos anos. Tudo à venda por preços módicos.

 

cartaz_bolha_web

 


RECUERDOS PORTEÑOS
Comentários Comente

allansieber

Em 1995 aconteceu a primeira edição do intercâmbio “Porto Alegre em Buenos Aires'' que levava exposições, peças, mostras de cinema, shows, etc, de uma cidade para a outra. A contrapartida era “Buenos Aires em Porto Alegre'', com artistas da Argentina na capital gaudéria. Nessa primeira edição participei com um singelo papelão recortado de uma embalagem de geladeira e pintado com guache, retratando o Filho de Deus num momento de descontração. Nessa edição conheci os selvagens desenhistas argentinos, como os monstros da Lapiz Japonés, Sergio Langer, Diego Bianchi e Elenio Pico, que até hoje são amigos que me orgulham muito pela  camaradagem e talento absurdo. Esse desenho  – “El gran mistério del bafo caliente en la nuca de Jesus''* – ficou perdido anos, mas o recuperei recentemente e fiz questão de colocar ao lado da árvore de natal que fizemos (acho que foi a minha primeira) esse ano mais pelo infante Max Von Sieber do que qualquer outra coisa. Natal é uma coisa detestável, onde todo pobre se sente mais pobre ainda e toda criança mimada não recebe a punição devida.

 

misterio_jesus

 

* Os figurantes eram uma homenagem a C.C. Beck, desenhista americano que venero muito, criados do Capitão Marvel, também conhecido como Shazam.